sexta-feira, 6 de maio de 2011

Francisquice A E I O U.

Foi você que inventou a brincadeira assim, do nada. Primeiro, me chamou de Papãe. E um certo orgulho de ser uma mãe-pai logo tomou conta de mim.

Mas não era nada disso. Você estava brincando com as vogais, trocando as consoantes de todas as palavras. Simplesmente o P passou a ser praticamente a única consoante, mas as vogais continuavam as mesmas:

– Papãe, peu pepo popar pampo!

(Era você dizendo que queria tomar um banho.)

Em casa, logo entramos na brincadeira, rindo do seu senso de humor. Confesso que um jogo de linguagem me deixou coruja – e eu não disfarcei. Entrei no clima, e em alguns minutos estávamos conversando fluentemente na língua do P.

Hoje você mudou a consoante e passou a usar o T. Com uma desenvoltura impressionante, tanto para falar quanto para entender. E a coisa está ficando cada vez mais divertida.

Você só tem quatro anos, filho. Te teu te tato ta tata tia tais. Entendeu?

8 comentários:

Flávio de Castro disse...

Eu te amo cada dia MAIS!
Que lindos...

Bailarina disse...

Ô gente, que coisa mais bonita...

Dani é: disse...

Para com isso é bota fogo
Pa pom pipo é popa popo!!!

Dani Garlet disse...

lindooooooo!
:)
amo tudo aqui!

Mayah Alves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
agarotaeseuslivros disse...

Uma leitora que quase nunca comenta... mas hoje passa por aqui apenas para desejar um FELIZ DIA DAS MÃES para uma das mães mais dedicadas que 'conheço' !!!!
:)
Que seu filho sinta sempre orgulho de ti.

Bom domingo!

mulher de sagitário disse...

Cris, pepip pias pas pães, cada dia mais fofo seu Cisco.

Pri - Cantinho disse...

Me fez lembrar de minha infância e como eu e meus amigos inventávamos linguas secretas trocando consoantes assim...

Beijos

Pri

www.cantinhodapiu.com