sexta-feira, 30 de abril de 2010

Amanhã, espero por você em BH.


Se você perdeu o lançamento do livro em novembro de 2008. Se você tem o livro e quer um autógrafo. Se você até hoje não havia conseguido comprar o livro. Se você quer dar uma passeio gostoso no feriado. Se você quer conhecer um café novo. Se você mora perto da Página 1. Se você quer me dar um abraço. Ou só porque amanhã é sábado. Apareça. A partir das 10h30, vou estar à sua espera. Um beijo.

34 comentários:

Ana Paula Barcelos disse...

Que legal, Cris!
Parabéns!!!!
É uma pena eu morar longe, pois estaria ai, com certeza, apreciando a graça da sua companhia!!!!
Beijinhos
Dani

Bárbara Gusmão disse...

Eu já tinha visto falarem do seu blog, mas é a primeira vez que o visito meeesmo e, poxa, só passando pela página li a postagem do dia 25 de abril e estou aos prantos!
Eu conheço um pouco dessa dor e agora lerei o blog e vou acompanhar (e comentar).

Bel disse...

Juro que se a passagem de avião não fosse tão cara, eu ia mesmo levar meu livro pra ser autografado. Mas...
Fazer o que?

Ah, dá um beijo no Pr. Ivênio, diz que uma adolescente da década de 80 ainda lembra das mensagens no Acampamento Batista Baiano de Jaguaquara.

"Dri" disse...

Cris, q simpatia q vc é!!!! Adorei te conhecer pessoalmente! bjimmm...

Andréa Silveira disse...

Minha prima me falou hj sobre o blog e já estou aqui. Lindo! Voltarei!
Qdo puder visita: http://meuprojetopiloto.blogspot.com
Bjs!

Chay disse...

Ah Cris,vem pra Sampa,meu livro precisa muito urgente do seu autografo rs
Te admiro muito!

Beijos

Giovana disse...

Você, delicada como sempre.
Um grande abraço
Giovana

Irina disse...

aaaaahhhhhh...
queria morar perto pra poder ir. comprar o livro, conhecer um café legal, ganhar autógrafo e dar abraço.

* BUBA disse...

Meu nome é Tiago é minha primeira vez postando um comentario aqui. Quero dizer que seu livro me tirou de uma depressão , vc deve se perguntar como ? Sou gay e estava tendo diversas desilusões amorosas e comecei a achar que a culpa era minha e o pior , que acreditei nisso cegamente , engordei , perdi amigos , perdi trabalho , parei faculdade , parei academia , parei de ler , parei de viver !!! e desacreditado do amor segui vegetando , até que por um acaso , vendo um video do café filosofico , conheci vc e sua historia , a prova viva de que o amor existe e ele é LINDO , amor de varias faces , vc me ensinou como me amar acima de tudo e acreditar no amor novamente , principalm,ente no amor proprio , hoje trabalho , estudo , estou meio grodinho kkkk mas já mudando isso , ainda não estou namorando mas acredito que isso uma horta ou outra vai acontecer , gostaria de te explicar melhor essa mudança na minha vida , culpa sua kkkk sei que é apenas uma palavra , mas é somente o que posso dizer pois não conheço outra palavra mais bonita , OBRIGADO , um dia te conto em detalhes tudo que vc provocou na minha vida !!!
Ps: Fica devendo uma sessão dessas em são paulo hein , bjão minha linda , DEUS te abençoe muito e a seu lindo cisco tambem kkkk

Fernanda disse...

Cris
é uma pena eu morar longe. estou em Rio Branco - Acre
mas o carinho que vc tem é tanto que ja me sinto abraçada.

bjos
Fer
www.brindoavida.com.br

Cristiana disse...

Oi Cris,
Essa semana ganhei seu livro e ontem comecei a ler. Não conseguia parar de chorar. A cada palavra, cada linha, cada paragrafo vi que tinhamos muita coisa em comum. Via minha história escrita por você.
Me vi em você muitas e muitas vezes.
Perdi em 2007 num acidente de moto o pai do meu filho, quando ele estava com apenaas 6 meses de nascido.
Senti muitas das angustias que sentiu, os medos, as alegrias... Os amigos dele também me acolheram pra tentar suprir um pouco da falta que Dário estava fazendo.
Meu filho, Ian, nasceu como Guilherme, com os dois pés tortos e com quatro meses fez sua primeira cirurgia. Hoje com três anos ainda sofre com as botas e as vezes com o gesso.
Achei maravilhosa a ideia que teve de escrever um livro para que seu filho possa conhecer o pai, infelizmente não tenho o dom da escrita. Então aos poucos Ian vai conhecendo o pai através das histórias que conto.
Um abraço apertado.

Cristiana Rocha

Carola disse...

Adoreiiiiii o blog...
Visita e segue o meu tb!
www.caroladuarte.com
Beijo

Monica Loureiro disse...

Se eu nao fosse de Vitoria, com certeza iria...Quando voce vem lançar o seu livro aqui ?

Cris Ventura disse...

Se eu pudesse estaria aí com certeza ;-) Muita sorte sempre e um belíssimo dias das mães pra você que é uma super mãe!!!
Beijo no coração!

Paula (Sorocaba/SP) disse...

Oi, Cris! Eu tenho o livro, mas moro loooonnngeee! Sorocaba, interiorrrrrrrrrrrrrrrrr de SP e adoraria um autógrafo. Pra onde posso mandar o meu livro, por sedex, pra você me devolver autografado? Aliás, cheguei até você por causa do Francisco, o meu Francisco, que completará 01 ano, no próximo 06/07 e me apaixonei pelo seu... Meu e-mail, pra mandar o endreço, é: paularobertareis@terra.com.br
Muitos beijos e sucesso, sempre!
Paula Reis.

Patty disse...

Oi Cris,
Ganhei seu livro de Natal e amei imensamente. Com ele, aliás, com sua história, aprendi a dar mais valor ainda ao que está aqui conosco.
Me casei em junho de 2008, ainda não tenho filhos, e sou completamente apaixonada pelo meu marido. Chorei demais com sua história.
Deixo o livro no meu criado-mudo desde o Natal, bem à vista, para me lembrar sempre de tudo o que é bom.
Parabéns por levar a vida tão bem, e criar tão bem essa criança gostosa.

www.ABnix.com.br disse...

www.ABNIX.com.br - Hospedagem de Sites, Com 250 gigas de espaço, com Trafego ilimitado, Email ilimitado, e o Sevidor no Brasil que da mais velocidade para abrir seu site – Esse valor não encontra purai (Valor 10.00 R$ Mensal.)

Registre seu Dominio agora mesmo o Preço baixou – Registro Internacional - .COM .NET .ORG - R$ 1,99/ano + Hospedagem , isso é Só na ABnix Host.


Tenha Sua Rádio Web a 40.00 R$, com Site Administravel - Streaming de 1000 ouvintes a 64kbs com Auto Dj de 10 Gigas, Já Incluso com Hospedagem. Entre no site www.abnix.com.br ou msn suporte@abnix.com.br.

Oportunidade de ganhos - Seja Nosso vedendor ganhe 50 % das suas vendas, Indique Clientes para ABniX Host. Use seu site aproveite e tire proveito do que vc tem. Na Quinta Venda Damos um Dominio com hospedagem por um ano.

Aceitamos como Pagamento Pagseguro Paypal e Pagamento Digital

Marilac disse...

Oii Cris,
Vc vem a Fortaleza?
Feliz dia das mães !!!

bjs
Marilac

zuleid disse...

Bom dia Cris!
Só passei prá desejar um Feliz Dia das Mães.
Beijos!

Gabriela ribeiro disse...

um dia, antes do livro, escrevi sobre voce. porque entendo muito sobre saudade e perdas e tambem porque consola.

http://raisaandrade.wordpress.com/2008/11/26/quando-faz-falta-o-amor-que-sobra/#comments

Eu sou a Dona Flor desse Ateliê. disse...

Oi Cris!

Adorei seu blog, é muito emocionante, muito bonito e muito delicado. Parabéns!!!

Abraços e prazer em conhecê-la.
Fabíola

Michele disse...

Olá.Meu nome é Michele,e tnhu 23 anos.Cheguei até seu blog por acaso,li num orkut desconhecido algumas coisas que vc escreve.E li este blog todo em 2 dias.É incrível! eu perdi meu pai com 10 anos,e não me recordo quase nada dele,os traços do rosto dele são vagos em minha memória. Este blog é o maior presente que o Francisco irá receber. Como eu keria ter ganho um presente como este..

Davi Honorato Oliveira disse...

Descobri seu blog hoje pela manhã quando lia o jornal da pampulha sobre a bienal do livro. Resolvi entrar para conhecer. Achei muito bacana! Parabéns! Também faço um para o meu filho, como um diário mesmo, para guardar as pequenas grandes coisas do dia a dia. Se tiver oportunidade, visite-o. Abraço!

Tássila disse...

Eu conheci sua história no começo do ano passado. Conheci primeiro o hojevouassim, pois sou estudante de moda e você sabe que é referência.
Ano passado eu tinha 16, hoje já tenho 17 e é como se eu tivesse crescido junto o Cisco. Eu amo ler e seu blog, particularmente era inspiração; já que eu sofria de amor. Sofria um pouco menos que você. E sempre falei muito, muito de vc e história. Uma amiga, que jáera querida e depois disso, virou especial, me deu seu livro de aniversário. Eu o fiz semana passada. Como estudo e ainda tenho meu ateliê p/ cuidar, estou um pouco sem tempo. Mas às noites eu leio. E sempre choro. Mas é um choro bom, quase um combustível pro dia seguinte. Hoje, sábado, estava no salão quando comecei a ler a carta que você escreveu pro Guilherme e não entregou. Quando a moça me chamou, eu estava chorosa e ela nao entendeu muito.
Enfim, você toca. Toca bem lá onde a gente se sensibiliza. E é curioso, é bom. Saiba que o Francisco terá as melhores referências sobre o pai. Referências estas, que cabe a você o passar. E já está passando. Vem pra Vitória - ES, pra autografar meu livro?
Ah, trás o Cisco!

Beijos, Tássila

priscila disse...

Oi Cris, li seu blog hoje e vou procurar o seu livro, vc escreve lindamente. Eu também perdi meu marido, ainda nao fez um ano e chorei muito fazendo a leitura do blog, o vazio que passa a habitar a vida quando se perde alguém que se ama é indescritível. Amanha é aniversário dele e lendo seu blog chorei, chorei muito pois os seus sentimentos levavam aos meus sentimentos, e o buraco descrito por vc ainda é imenso no meu peito, na minha vida. Parabéns pelo blog e pelo livro, seu filho poderá conhecer através dele a intensidade de seu amor pelo pai dele e por ele.
Priscila

Rá ºoº Pine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Natália Nunes disse...

Conheci seu blog quando estava gravida, em 2008.
porém, nao sou uma leitora assídua do blog. Na verdade, me esqueço dele por meses e meses. Mas quando eu lembro, costumo ler tudo o que eu perdi.
Não costumo comentar muito em blogs, mas lendo sua resposta à um comentário anônimo que dizia que seus textos não comovem mais, eu afirmo com toda certeza: Ela/Ele não é mãe/pai.
Tudo aqui é inspirador, comovente e lindo.
Abraços pra vc
e pro Francisco.

[Ananda] disse...

gostei do blog,o.o eu quero um autográfo.

♫Pri disse...

Bom dia Cristina!
Conheci este blog através do outro Blog,"Hoje vou assim", que por sua vez o soube através de uma revista de moda.
Bom, abri primeiramente como que por curiosidade, e ao ver as fotos e fatos vi que se tratava de uma perda, só não sabia como era e o que realmente era.
Começei a le - lo ontem, e pro meu espanto estava lendo sobre algo que mais me dá medo no mundo: o medo da morte e de perder alguém especial ou ainda de pessoas especias me perderem.
Porém, perecebi logo que você escreve sobre isso de forma leve, com sentimento, com amor pelo que foi vivido, pelo amor ao seu filho.
Quero parabenizá -la mais uma vez (Já o fiz no outro blog por ter o dom de ajudar pessoas mesmo sem as conhecer). Quero dizer que te acho uma super corajosa, por expor tua vida, compartilhá -la com pessoas que vc nem conhece. Sei que este blog é para o Francisco, mas ele tbm faz parte de cada um de nós, pois, fala de vida, de vida real, e se lemos é pq nos identificamos.
Obrigada por isso! Por tornar minha vida significativa, por me fazer pensar, por me ajudar a encarar meus medos e temores (por resgatar minha auto estima ao ler o "hoje vou assim" e por me mostrar que a vida é linda apesar do pesares ao ler "Para Francisco".

Ontem demorei pra dormir, pensando em você e em tudo que li. Coisa mais linda! Até sonhei que te conhecia pessoalmente. Foi Mto forte pra mim, apesar de não ter passado por situação parecida.

Estou lendo todo, começei ontem e estou no ano de 2008.
Se vc me permitir gostaria que vc ouvisse uma banda chamada Teatro Mágico e procurasse pela música "O sábio mais velho". Acho que tem um pouco de você e sua vida nela.
Até mais!

♫Pri disse...

Acabei de ler o seu blog.
Nossa que maravilhoso!
Reforço: como vc é corajosa!
Li cada palavra atenta e certa de que aprendi com vc!

Tive a ousadia de fazer um pequeno comentário no meu blog. Para que outras pessoas tbm possam lê - lo.
Descobri o que em mim tbm está guardado e que nem me lembrava mais: gosto de escrever e sinto falta disso.

Ah, descobri algo em comum tbm: fazemos aniversário em 15/08. e eu amooooo essa data!
bjos, sucesso, felicidade, e mto mais amor para sua vida e a do Francisco.

katia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
petecando disse...

Sonhei que sua história virou filme. Acordei chorando.
Beijo,

Valentina Becker disse...

Cris, vivo um amor em segredo.
E aprendi com seu blog que escrever talvez seja a forma de me entender e, ao mesmo tempo, desabafar.
Quando puder, dá uma passada lá.
Beijos

Carolina Hirsch disse...

Droga, eu perdi!