quarta-feira, 12 de março de 2008

Filho.

Tenho repetido mais vezes a palavra "filho" e ela soa como música para meus ouvidos. Parece haver nela um encantamento, como se, por sua dose de amor, tivesse o poder de acalmar, curar, fazer dormir. Ainda é difícil acreditar que sou mãe. E o faço com o sorriso fácil, embutido mesmo na mais cansativa das tarefas. Confesso que nos últimos anos cheguei a pensar que não era para mim. E ao mesmo tempo em que parece um sonho, não consigo mais me lembrar de quem eu era antes de você chegar. Mesmo nos momentos de nervosismo, mesmo nas horas em que tudo o que sei é que não sei de nada: ser sua mãe é o que faço com mais gosto na vida. Faço sem pensar: porque faço, porque sou. Faz tão pouco tempo, mas é como se eu sempre tivesse sido.

40 comentários:

nina disse...

É mesmo Cris, ser mãe é algo que ultrapassa nossos simples conhecimentos, a gente não consegue exprimir esse amor não... eu tm já não lembro mais quem e como eu era antes dos meus filhos. Lembro que quando minha primeira filha nasceu, eu estava tão envolvida com aquela criaturinha linda e tão dependente, que quando eu pensava no meu rosto, p ex, eu não me via de fato,eu via o rosto dela em mim.. loucura né? e amor tbm, tudo junto.
Bjs no coração e sempre é um prazer ler vc.

Cris de Bourbon disse...

Ser mãe é a maior benção que Deus me deu. Meus filhos são meus melhores projetos de vida. Compartilho com vc essa alegria ;)
Beijooooo

Luciana disse...

Oi ...
Li sobre o seu blog no GAROTAS e vim conhecer, achei tão linda e terna essa idéia, estou gostando muito.
Parabéns pelos post.
Tudo de bom pra vc e seu filho.

Pequena disse...

Ei, Luciana! Em que GAROTAS esse blog tá linkado? Você pode deixar o endereço aqui? Desculpe a ignorância.

Um beijo.

Giovana disse...

Cara Cris,
Desde ontem não consigo desgrudar os olhos do seu blog. Você é uma mulher forte e sua história narrada com tanto amor emociona muito quem lê. Confesso que chorei um montão de vezes de tristeza sim por perceber com tanta clareza suas dores, mas também chorei de felicidade por saber que você e seu filho existem dessa maneira tão especial!!!! Sorte sempre!!!
Um bjo com muita admiração
Gi

Luciana disse...

Cris,
foi no GAROTAS QUE DIZEM NI hehehe
acabei lendo o seu blog inteiro, me comovi, achei lindo demais ...
vale a pena viver para ver coisas maravilhosas que pessoas especiais são capazes de fazer por amor, viu?
O Francisco é a carinha do pai, e sendo filho de 2 pessoas tão especiais, tenho certeza de que ele será muito especial tbm.

Receba um beijo carinhoso e cheio de admiração,
Luciana

Ana Carolina disse...

O link do Gartoas que dizem Ni: http://garotasquedizemni.ig.com.br/archives/002347.php#more

Muuuito bacana! Parabéns!

Amanda disse...

A Vivi que diz Ni tem toda a razão, seu blog é mesmo encantador. Sucesso para ele, beijos para você e para o seu filhotinho!

Marsyah disse...

Eu conheço esse sorriso...
É um sorriso maravilhoso, é um sorriso que só uma mãe sabe dar.

Parabéns!
Vc e o Francisco estão lindos!!

(Acompanho seus blogs todos os dias, mas hoje o sorriso ta tão lindo que resolvi comentar.)

Gilde Aquino disse...

Acabei de "devorar a sua história", tenho um hábito matinal de ler o blog "garotas que dizem ni", e a Vivi linda por sinal citou você como exemplo para o dia das mulheres e ela tem toda razão, não conseguir parar de ler um minuto até terminar, como um best seller ou um filme que não dá pra parar até chegar o final, na verdade vc fez lindamente do seria um final triste um belo começo. Estou encantada pela sua história, garra, pelo Gui, pelo Cisco e pela força incrível de nós mães temos. Tenho dois filhos tb a Rafaela de 11 e o Matheus de 5 e tenho um marido, e a gente se ama e briga por qualquer razão, a última brigada que tivemos foi a 5 dias e estamos ptaticamente de relações cortadas, bobagem pura. E advinha, vou fazer as pazes hoje com ele. Me emocionei demais com a sua história, mas principalmente pela maneira suave que vc nos passa tudo.
Parabéns pelo cisco, pela garra e pelo o amor que vc viveu com o Gui, tem pessoas que passam pela vida sem ter noção do que é um amor assim.
beijos, sinto como se te conhecesse...engraçado isso!

Gilde Aquino disse...

Nossa que coincidência e sintonia, a Luciana que deixou os comentários acima é minha melhor amiga e me indicou o blog das garotas anos atrás, agora entro pra deixar um comentário e a encontro, que mundo pequeno e ainda bem que temos os amigos!
beijos

* Pris * disse...

Oi Cris, tudo bem?

Foi só ontem que descobri seu blog no das Garotas que Dizem Ni. Em duas acessadas, li tudo, devorei seus textos e entendi algumas coisas sobre vida.
Vou linkar seu blog ao meu pq quero que meus amigos e visitantes cheguem até suas palavras e se surpreendam como eu.
É um prazer te ler!
Um beijo
Pri

xinho disse...

Vc jah leu A Estrada, do Cormarc McCarthy? Sem duvida, o mais belo livro sobre a relacao pai e filho que jah li. Seu blog atinge essa beleza em varios momentos

bjs

sylnier disse...

Parece que vc escreve coisas sobre as quais tentamos externalizar e não temos palavras...
Vc tem o dom de tocar, de mexer com os "brios"... enfim...o dom de encantar com palavras...
sylnier

Nathalia disse...

Conheci sua história por causa de uma leitura atrasada da Criativa (é, eu sei que já se passaram alguns meses desde janeiro). Na verdade, quem leu tudo foi meu namorado. E, de tão impressionado com a sua força e evoluída forma de encarar a dor, simplesmente me ordenou que lesse também. É engraçado como a gente chega até a chorar por anônimos. Mas eu senti um minúsculo pedaço da sua dor a cada linha. Corri pro seu blog apenas pra te dizer que vc foi uma inspiração (mesmo!). E que o Francisco será eternamente grato por esse registro, essa prova de amor. Eu seria. Muita paz pra vocês. Um beijo, Nathalia Ziemkiewicz

juliana disse...

suas palavras sao sempre tao lindas. suaves, puras, cheias de amor. inspirador esse blog.

Ana Claudia disse...

Também cheguei aqui através do Garotas que dizem Ni.E sabe eu nunca tinha sentido tanto amor,tantas palavras tão lindas. Me emocionei, sorri com o que você escrevia, te admirei. Me deu uma vontade de mostrar todo o amor que sinto pelo meu namorado, de fazer diferente.Não só vontade, vou fazer isso. Por mim , por ele, e por você também, como uma forma de respeito por todo esse amor que tu sente pelo teu amor.
Não sei se consegui me expressar direito, espero que tenha entendido.

Raquel disse...

Juro. Se eu pudesse trazer alguém de volta, traria ele pra você.

Renata Rocha disse...

Esse guri é muito gostoso.
Cris que Deus continue dando graça, para ser a melhor mae que vc puder ser !
Um beijo

Estrela da Manhã disse...

Chris,
acho que todo mundo já deve ter te dito isso: como o Francisco é parecido com o pai! Claro que só vi vcs pelas fotos do blog, mas mesmo assim dá para perceber a semelhança.
Tenho certeza que ver no rosto do seu filho, traços do seu amor deve ser contagiante.

Ama duas vezes!

Fique com Deus.

Anônimo disse...

Q lindo!!! Vc merece essa felicidade de ter o Cisco ao seu lado! Estou nessa fase de achar q ñ é pra mim (não por ñ querer), complicações...rs
Bjinhosss Cris!

Maria dos Açores® disse...

Um beijo com muito amor para ti e para o Cisco

Anabelly disse...

Moça linda!

Eu não a conheço, mas encontrei seu blog porque você foi citada no "garotasquedizemni" e, por coincidência, acho que uma amiga minha te conhece também.

Enfim, em duas horas li cada post do teu blog, desde o comecinho. Chorei com você como se não houvesse amanhã. E eu pensando que um rompimento com quem eu achava que era do amor da minha vida seria um motivo para as tantas lágrimas que tenho derramado. Não sei se choro mais pela sua vida (que é linda e triste), pelo modo de você escrever ou de perceber que algumas coisas que você viveu e perdeu eu também vivi e perdi.

Minha perda não foi nada perto da sua, mas eu também não tenho um presente chamado Francisco.

Eu a admiro sem nem conhecer... que coisa é a vida.

Seja assim sempre.

Beijos

Anabelly

Anônimo disse...

Um grande beijo prá vocês!
O Cisco tá a cara do pai dele,mas
esse olhar...ah!esse olhar é seu!!
Você fica iluminada quando esta
com ele!Irradia amor e felicidade.
Parabéns,por esse filho maravilhoso!!
Adriana(Diana)

Pequena disse...

Xinho, não conheço esse livro e fiquei com vontade de conhecer. Obrigada.

Juliana, tão carinhoso o que você disse. Ah, se a gente pudesse...

A cada um que veio aqui deixar tanto carinho, o meu beijo quente e o meu abraço longo. Vocês fazem minha vida tão mais delicada e especial.

.Intense. disse...

E ele é tão lindo.

Fernanda disse...

Hoje foi a primeira vez que lí seu blog,e o fiz do começo ao fim,todos os textos,todos os sentimentos,lí a dor e a alegria,e lí a força.E chorei,como não chorava á algum tempo.Chorei de dor,por saber como é perder um grande amor,e chorei de saudade,e de tristeza.E finalmente chorei,por não ter um presente tão lindo quanto o Cisco.
O amor de vocês é puro,é lindo...
Um abraço apertado,cheio de boas energias.

J ! disse...

Foi um prazer ler vc,
vc me fez ter mais prazer em viver,
e dizer ás pessoas que amo, o quanto ás amo, e não é pouco.
Também entrei aqui através do GAROTAS,
devorei como um livro que há tempos não encontrava.
Força,
obs :: Acho que sou o único homem que caiu aqui, de pará-quedas, mas não menos emocionado.
bjs

nina disse...

Cris menina, deixa eu te contar que até nos nossos sonhos vc anda... que coisa doida. Adivinha com quem sonhei esta noite? Com o Cisco, claro! (Não repara o horário desse comentário não, é que onde moro já é de manhã, horário normal tá?? rsrsrs).
Ele estava, no início do sonho, pequeno, bebê, com esse cabelinho aí da foto, e ele engatinhava do quarto pra cozinha, e da cozinha pro quarto. Muito rápido, super levado mesmo, rindo, rindo. Estava mt contente com seus avanços. Vc estava não fisicamente no lugar, mas vc estava lá, entende? sua presença estava, como se estivesse cuidando dele. Mas num dado momento vc estava tbm num quarto contíguo à cozinha, com alguém, acho que era seu marido, mas não lembro do rosto. Depois no sonho, lembro que ele já estava grande, e estava cozinhando algo. No fogão, havia uma panela enorme e ele estava lá, com a mesma carinha de menino, cozinhando. Só que alto, como homem. E enquanto ele cozinhava, tinha várias pessoas observando o que ele fazia, mas ninguém dizia nada, eles estavam esperando a comida que Cisco cozinhava. E era algo como uma sopa, ou um molho de tomate, e estava muito quente, e eu falava pra ele, "menino sai daí vc ainda é uma criança não pode mexer em fogão", e ele nem ligava, me deu a entender que sabia o que estava fazendo,e que tbm tinha mt fome. Engraçado não? Meus sonhos são sempre meio malucos... acordei rindo e com cheiro de comida no ar.

Bom dia pra vcs e um beijo no cozinheiro levado da breca (desculpa, escrevi demais)

Pequena disse...

Nina, que engraçado esse sonho. O Gui cozinhava tão bem. Será que o Cisco vai ser cozinheiro e cozinhar pra mãe dele? Lindo o sonho, adorei.

A cada um que deixou aqui sua mensagem tão carinhosa, meu pedido de desculpas por não conseguir responder uma por uma. Mas meu coração bate mais forte e feliz a cada comentário. Só energia boa, só desejo bom, só alegria. Mesmo sendo a história triste. Não tem como não dizer que existe alegria. Olha todo mundo aqui, gente. Isso não é a coisa mais linda e poderosa do mundo? Minha gratidão e meu carinho.

Cris.

Eloisa disse...

Olá!
Também descobri seu blog ontem através do Garotas que Dizem Ni. Comecei a ler e não consegui parar até chegar no último post. Chorei, chorei, chorei e fiquei impressionada com sua força e seu amor.
Vou voltar sempre!!
Um grande abraço e tudo de melhor para vc e seu filho...
Elô

tylza disse...

Seu blog é o mais lindo que já vi. Cheguei aqui via GAROTAS tb, mas infelizmente não pude ler tudo pq estou no trabalho e não quero chorar por aqui(me segurei várias vezes pra evitar o choro). Tô louca pra chegar em casa e ler tudinho até o fim.
Cisco é um garoto de sorte, q apesar de ter perdido o pai tão cedo, tem uma mãe maravolhosa.
Seja feliz!!!

Anônimo disse...

eu sei que já falaram isso diversas vezes, mas nunca é demais repetir... o Cisco é a coisa mais linda do mundo! que menino fofo! e, como alguém já comentou aí em cima... tenho que parar de ler seus posts no trabalho, pq fico segurando pra não chorar, mas os olhos enchem d´água, não tem jeito. você consegue chegar bem no coração das pessoas.
cris.

Reine Elessar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Reine Elessar disse...

Sou mais uma pessoa que você emociona diariamente, falando desse jeitinho tudo o que vem no coração. Incluo você em minhas orações, pois sempre dei valor para as pequenas coisas do dia....mas depois de ter passado aqui estou fazendo mais, falo o que eu sinto o tempo todo, quero ter a certeza de que as pessoas saibam o que sinto por elas. Ler você dói....e depois acalenta. Mas nada do que eu escreva vai conseguir traduzir o que essa pobre mortal sente ao ver escrito o seu amor. Dois beijos com carinho.

Kika disse...

"Faz tão pouco tempo, mas é como se eu sempre tivesse sido."

Amiga, eis o sentido da vida.

beijos, K

Clarice disse...

Putz...


Tenho uma filha de 14 meses, e... enfim, peço licença pr'eu usar este seu texto (com os devidos créditos, claro) num blog coletivo o qual faço parte:
www.blog.cybershark.net/freakmothers

Passa lá! =)

Parabéns, sempre muito bom visitar seu espaço.

Pequena disse...

Claro que pode, Clarice. Um beijo.

Daniela disse...

Li este seu post no blog da Liliane e observei que, se algum dia eu tivesse uma maravilhosa inspiração, seria exatamente isso que eu gostaria de escrever para os meus pequenos. Fiz uma fertilização e agora tenho comigo dois filhinhos com quase três meses.Sinto como se eles sempre tivessem estado comigo. É uma sensação maravilhosa!!
Vc se expressa muitíssimo bem!Vou passar sempre por aqui viu?
Abraço

Daniela

Anônimo disse...

Não existe benção maior que um filho. O meu tem 5 meses e é a minha vida. O Francisco é a cara do pai dele, muito fofo.Parabéns pra você, tudo de bom e que Deus te abençoe muito!

Paula