domingo, 27 de janeiro de 2008

Forte como um cavalo novo.

Tínhamos assistido, em outubro, à peça "Por Elise", da Companhia Espanca. Linda, linda, linda. Densa e leve e ao mesmo tempo, surpreendente, sensível, inteligente, me tocou profundamente. Dias depois mandei uma foto de um trecho da peça para o seu pai, relembrando a parte que tinha me levado às lágrimas. Lágrimas que vieram novamente por dias e dias após a peça, inexplicavelmente. A resposta dele me faz sorrir e chorar ainda hoje, filho.

De: guifraga
Data: 7 de novembro de 2006 15h55min55s GMT-02:00
Para: Cristiana Guerra
Assunto: Re: Pra relembrar, amor. Fico emocionada de novo.

vc é forte, com fogo de vida, correndo em direção aos seus desejos.
eu te admiro e amo.

um beijo, G


On 07/11/2006, at 15:49, Cristiana Guerra wrote:


“Sou forte como um cavalo novo, com fogo nas patas, correndo em direção ao mar.”

Cristiana Guerra
Diretora de Criação
cris@solutioncom.com.br
31 2102-9335
www.solutioncom.com.br

21 comentários:

Camila disse...

Cris, cheguei aqui por indicação de uma amiga. Ontem mesmo, li tudinho, de ponta-cabeça. Cada vez que volto me pego com lágrimas nos olhos, e um sorriso no rosto. É muito gostoso ver esse amor tão bom, que você cultiva com tanto carinho. Que presentão pro Francisco! E pra gente também. Obrigada por dividí-lo com a gente.

Um beijo grande.

Naty Nathália disse...

Ei Cris!!!

Sabias palavras em... Perfeitas para você mulher tão guerreira, forte e delicada ao mesmo temo, que nao se deixa abater pela "dureza" da vida!

Te adimiro muito!

Muita luz pra vc e Cisco!
Abraço apertado...

Natalia disse...

Cristiana, faz um tempinho que entro aqui, leio, e saio em reflexão...hoje tomei coragem pra te dizer uma coisa: VOCE MUDOU A MINHA VIDA, LITERALMENTE...talvez um dia eu explique melhor, mas tenho que agradecer...Muito Obrigada.
Natalia

Marianne disse...

Ai, meu Deus. Acho que esta pra nascer outro homem com tamanha sensibilidade, sintonia com sentimentos. Grande Gui! Beijo Cris

Roanna M. disse...

Cris,
Bom dia!

Quinta feira passada, me peguei parada em uma banca de jornal, escolhendo uma revista qualquer para passar o tempo! Visto que não tenho esse hábito,estranhei muito! Uma revistinha pequena me chamou a atenção e decidir leva-la! Folheando sem nenhuma paciência e resmungando por ter gasto meu dinheiro com aquilo, vi uma matéria que me chamou atenção, a matéria do qual estampa uma foto sua e do seu lindo bebê! Lí e confesso que me arrepiei! Senti uma imensa curiosidade de entrar no seu blog, e aqui estou! Lí, todos os post e me peguei chorando em alguns e sorrindo em outros! Vc é uma otima pessoa, uma pessoa guerreira que merece todo o bem do mundo!
Parabéns pela garra, força e batalha! São poucas que teriam essa sua vontade!Já posso dizer que sou sua fã!

Um grande beijo para vc e para Cisco (se vc me permitir!)!

Le Fabuleux Destin disse...

Oi Cris,
Eu assisti a essa peça aqui em BH 2 vezes, em 2 momentos completamente distintos da minha vida. Nas duas ocasiões ela me levou às lágrimas por razões completamente diferentes.
Da primeira vez ficou ecoando na minha cabeça:
"Onde está o meu jardim? Onde está o meu jardim?"
e
"Quem? Quem? Quem? Quem?"

Da segunda vez, já com o meu jardim bem florido, foi justamente essa frase que vc citou que retumbou dentro de mim.

É uma peça de uma delicadeza que emociona. Em qualquer tempo.

Meu carinho para vocês

Denise

Zi disse...

Cris,
Você, inexplicavelmente, irradia uma energia tão forte e tão poderosa, que me faz levantar imediatamente quando sinto que vou desfalecer.
Obrigada por me fazer sentir tão importante e tão capaz de resolver meus problemas.
Beijos

Joana disse...

você sabia que eles lançaram um livro desta peça com os trechos? Bom para relembrar.

e tem um outro livro chamado 'Alguns leões falam' cujo texto vai ser encenado daqui a alguns dias.
Acho que vai valer a pena para nós que 'somos fortes como um cavalo novo, com fogo nas patas, correndo em direção ao mar'...

beijo!

dividindo disse...

Essa peça tb me marcou demais... "O grande problema é que a gente se apega" diz a Grace espancando doce.
Olha, Cris, adoro seus blogs, seus dois lados. Sempre venho aqui te visitar e te admirar. Parabéns!
Débora.

Camila Luz disse...

Olá querida,
Acabei de ler a matéria sobre você na revista e confesso que diante das linhas lidas, tanto da revista, quanto as do seu blog, (pausa para um suspiro!) me perdi em meus sentimentos, uma tristeza imensa me tomou, mistura à alegria de ver a vida se renovar através do Francisco... (Senti vontade de ir à luta e enfrentar a vida com tudo que ela me reserva)" Vida louca, vida. Vida breve". Muita força!

Gall! disse...

Olá!
Entrei no blog hoje, pela primeira vez. Peguei o endereço na Gloss (o que pra mim é extremamente estranho por que não curto essas revistas). Parabéns por tudo isso. Muitas felicidades, pra você e pro Francisco também.
^^

diá disse...

Cris,
Fiquei conhecendo a sua história por acaso numa revista num salão cabelereiro. Imediatamente anotei o endereço do blog. Desde então (há duas semanas) acompanho vc todos os dias. Acho bárbara a sua disposição e coragem de botar a cara assim para fora da janela.Vc já se deu conta de quantas pessoas estão sendo modificadas com a sua história ? E quantas estão pensando o que podem fazer para também FAZER A DIFERENÇA ?
Para mim escrever também fez parte do meu luto... Qq dia te conto um pouco mais ...
Muita luz para você e muito amor para o Francico
Dri

JuLy disse...

Cris
Vi sua historia na revista Gloss achei muito lindo a sua vontade de deixar lembranças paa o pequeno Fancisco e sua força de vontade!!!
Você sendo assim deve ter uma noção como mudou o meu modo de ver as coisas, não só a minha como a de muitas pessoal que olham estas paginas de sua vida!!!
Te desejo tudo de bom e pode apostar que daki por diante não soh eu como muitas outras pessoas vamos seguir o seu exemplo de vida que não deixa de ser, mesmo sendo meio tragico,um exemplo lindo!!!
Abaços e sorte...

Lia Drumond disse...

Eu vi essa peça. Maravilhosa. Bjs

mirianne disse...

Venho lendo cada linha desde quinta-feira passada. É de uma sensibilidade contagiante.
Obrigada por compartilhar, Cristiana. É um presente essencial este que você dá ao Francisco. Já disse Hermann Hesse, numa poesia que li ontem:
(...)
No vazio a girar, sem peias ou necessidades,
Vai livre a nossa vida,
Pronta sempre a folgar;
Em segredo, porém, temos sede de realidade,
Do gerar, do nascer,
Temos sede da dor e da morte.

Abraço carinhoso.

Luciana disse...

Tchê,sem palavras pra te dizer o quanto tudo isso faz com a gente fique meio se ar...meio triste...feliz...sei lá difícil explicar. Quero te desejar tudo de bom e pro teu filho tb. Que o amor de vcs seja sempre essa troca de sorrisos...uma dança pela manhã e a certeza que o pai dele te deixou ele de presente. Com carinho, Luciana

PaTi disse...

Vc me surpreende a cada texto novo. :)
Um beijo,
Pati :***

Ju De Mari disse...

Cris, que coisa mais linda...que amor bonito. Isso não se perde jamais. Bjs, Ju

Silvia disse...

Gostaria muito de poder retribuir a emoção que senti ao conhecer sua história. Li seu texto para muitas pessoas próximas, sempre com lágrimas nos olhos. Todos ficamos muito emocionados. Você é um exemplo de força, de coragem e de alegria!

Entrei também no seu outro blog...Também é muito inspirador! E aí conheci o trabalho lindo da Jana Magalhães. Comprei uma ilustração lúdica para mim! Fiquei tão feliz...

Enfim, você só me trouxe coisas boas!

Receba esse comentário como uma salva de palmas! Você merece aplausos! (Digo isso porque imagino que deve ser muito bom ser aplaudida e, não tenha dúvidas, estou te aplaudindo de pé).

Desejo a você e ao Francisco muita felicidade!

Beijo,
Silvia

Anônimo disse...

Ei Pequena, acabei de ler seu blog todinho de ponta a cabeça!
Só tenho a te dizer que estou com lágrimas nos olhos e um sorriso no rosto!
Como vc e outras leitoras, tb já perdi muita gente(leia-se avós, avôs e mãe), mas diferente de vc, não consigo colocar o sofrimento para fora e deixo ele morando aqui dentro comigo, as vezes choro mas nunca falo...
Fiquei impressionada com a sensibilidade do seu desabafo, sua garra, coragem e força!
Neste ano que passou aconteceram muitas coisas boas na minha vida,e ando feliz como nem imaginava poder ser, atenho certeza que a vida ainda te reserva muitas surpresas!!
Sorte a vc a ao Cisco!
Beijos carinhosos de mais uma fã

Andressa disse...

Cristiana,Parabêns!

Li sobre vc na revista GLOSS,e quando me vi emocionada com apenas uma frase q vc tinha dito,pude sentir um pouco do amor sobre o qual vc escreve! O amor q nos da força pra viver e trasmitir esse amor a quem ficou!
Parabêns é a unica coisa q posso te desejar.Parabêns por transformar uma dor q só vc sabe o tamanho em textos tão lindos!
Concerteza seu filho é um rapaizinho de sorte,pois é fruto de um amor muuito lindo!

Abraços e votos sinceros de muito sucesso e amor pra vc e seu filho!

Te admiro muito!